São Paulo | São Paulo ou perto da capital | Sudeste do Brasil

Dica de Passeio: um dia na Liberdade

1 de março de 2018

Ama cultura japa? Então, o Bairro da Liberdade tem de tudo para você: comidinhas, festas, bares, restaurantes, karaokês, artesanatos e lojinhas de artigos importados.

Bairro da Liberdade/Foto: Wikipedia
Bairro da Liberdade/Foto: Wikipedia

Para a maioria dos moradores de São Paulo, o Bairro da Liberdade é sinônimo de comidas e comprinhas. Mas tem muita coisa legal para fazer por lá. Como os famosos karaokês, que fazem muito sucesso entre os descendentes asiáticos e brasileiros, os eventos culturais, os artesanatos… Confira as dicas:

Karaokês

Existem tipos diferentes de Karaokês, mas os mais famosos são os de sala fechada e os de palco aberto. A Choperia Liberdade é o tipo de palco aberto… é um point descolado, aliás, pra lá de descolado. O lugar é uma choperia, sinuca, karaokê, restaurante japonês, espetinho e barzinho ao mesmo tempo. A decoração é para lá de diferente com itens de natal, bolas de plástico, paisagens de praias entre outras coisas. No Karaokê você vai ouvir desde quase profissionais cantando clássicos até aqueles que não cantam nada, mas vale a pena, pois é muito divertido.

Choperia Liberdade/Foto: Aline Sanae
Choperia Liberdade/Foto: Aline Sanae

Agora, se você é tímido e não gostaria de soltar a voz na frente de desconhecidos, pode optar por um Karaokê em sala fechada, como o Porquê Sim. Você junta uma galera e reserva uma sala, pede umas bebidas e pronto, se diverte.

Feirinha da Liberdade

Aos fins de semana você pode passear pela feirinha na praça, dá pra ir de metrô, pois a saída fica bem no meio da praça e é bem tranquilo. A feira já acontece há 33 anos e continua sempre lotada… é bem raro você passar por lá e passear tranquilamente, rs.

Feirinha da Liberdade/Foto: Aline Sanae
Feirinha da Liberdade/Foto: Aline Sanae

Entre as barraquinhas, você encontra peixinhos, plantas, roupas para cachorro, decoração japonesa, massagem, cintos, churrasco, sucos das baianas, doces, yakissoba, bolinhos e até espetinho de rã. Recomendo que não deixe de experimentar os espetinhos de camarão e tempurá. A feira acontece sábado e domingo das 9h às 18h na Praça da Liberdade.

Galerias

Para quem gosta de artigos importados, principalmente asiáticos, as galerias são as melhores opções. Você encontra roupas, sapatos, celulares, produtos cosméticos, coisas de mangás, fantasias, brinquedos, bijus, bolsas…  Eu particularmente, gosto da Sogo (R. Galvão Bueno, 40), que tem muuuuita coisa legal para ver, mesmo que você não vá comprar.

Também é muito fácil encontrar tranqueirinhas do Paraguai como capinhas de celular, filmes piratas, aparelhos eletrônicos… Para quem gosta de filmes japas, mangá e essas coisas, tem uma lojinha que vende de tudo, até cds de músicas japas. Além das papelarias com uma coisa mais fofa que a outra… Na mesma rua há mais galerias que valem a pena visitar.

Restaurantes

Um restaurante que eu gosto e recomendo na Liberdade, fica no último andar da galeria Sogo: o Cia Oriental. Lá tem a opção de rodízio e a la carte. No andar de baixo, também tem um restaurante muito bom por quilo… mas tem tanta variedade, que eu sempre fico em dúvida, haha… então vou no a la carte mesmo. O rodízio vale a pena só para quem come MUITO, sério… esse é rodízio mais pesado que eu já fui, pois ele é bem “tradicional”, não aqueles que você pode comer um pouquinho de cada coisa várias vezes… vem uma quantidade grande de cada coisa e bem improvável que você peça repetição… O Yakissoba de lá é maravilhoso, para quem gosta do macarrão frito… não é igual os chinas que a gente pede em casa, mas é o que eu mais gosto. O Karê (Curry Rice) é um dos pratos que mais gosto, mas é picante.. e tem curry, só vale para quem gosta mesmo. A última vez que fui com meu pai, ele comeu o Zarussoba… é um macarrão gelado com caldo a base de shoyo e tempurá, ele não curtiu muito não… hahaha.

Foto: Aline Sanae
Zarussoba/Foto: Aline Sanae

Também gosto do Porque Sim e do Lamen Kazu. Esses dois restaurantes são especializados em lamen… São muuuuuuitos tipos de lamen e acompanhamentos um mais gostosos que o outro. Esse aí abaixo é um lamen shoyo com karê e arroz de acompanhamento… para ser bem sincera, só o lamen já basta, pode não parecer mas a porção é bem grande e vem bastante macarrão… Lamen é um prato bem típico e acho que bem mais tradicional do que os que vcs comem nos rodízios… (minha mãe diz essas coisas o tempo o inteiro, hahahaha).

Lamen do Porque sim e Kare/Foto: Aline Sanae
Lamen do Porque sim e Kare/Foto: Aline Sanae

Então, acho que é isso… se eu lembrar de mais alguma dica volto para atualizar… e se tiverem, podem colocar aqui nos comentários 🙂

Ainda não fui, mas pretendo:

– Museu da Imigração Japonesa

– Karaokê Samurai

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *