Campos do Jordão | São Paulo | São Paulo ou perto da capital | Sudeste do Brasil

Dica de passeio: o que fazer em Campos do Jordão

16 de fevereiro de 2018

Destino preferido dos casais no inverno, Campos do Jordão é uma cidade que atende todo tipo de visitantes. Confira algumas dicas de passeio:

Vista do Morro do Elefante em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae
Vista do Morro do Elefante em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae

Campos é uma cidade que é muito visitada no inverno, é um destino romântico e ao mesmo tempo badalado. O centrinho é cheio de bares e restaurantes, além das lojas de boutique, mas existem muitos passeios turísticos e trilhas para conhecer. Seja qual for o motivo da sua visita, com certeza vai encontrar o que fazer. A temperatura é quente durante o dia e cai bruscamente durante a noite, então é sempre bom ter agasalho.

Como chegar

Saindo de SP, você tem duas boas opções de estrada a Dutra e a Ayrton Senna. Particularmente prefiro a Ayrton que dá pra correr mais (claro que dentro do limite de velocidade, rs) e tem mais pistas (menos caminhões também), depois você entra na BR-383 e logo está em Campos. São cerca de 2h30 de viagem.

Pôr do Sol na Vista Chinesa/Foto: Aline Sanae
Pôr do Sol na Vista Chinesa/Foto: Aline Sanae

Um pouco antes de chegar na cidade, tem um mirante chamado Vista Chinesa, as duas vezes que fui para Campos tentei parar lá, mas é um pouco complicado por causa da estrada, que é de duas mãos e o mirante fica praticamente na curva, acaba sempre ficando pra outro dia. O ideal é que você dê uma passada na volta, que é a mão certa da entrada, lá tem barraquinhas de queijo, pastel, chocolates, etc.

Ducha de Prata

Para quem gosta de fazer comprinhas e tirar fotos, a Ducha de Prata é um ótimo lugar para se visitar. O lugar é cheio de duchas artificiais no meio da natureza, você pode caminhar pelas plataformas de madeira e até tomar um banho (gelado, rs) nas duchas. Em 2016, o local passou por reformas, dê uma conferida antes de perder a viagem para lá.

Ducha de Prata em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae
Ducha de Prata em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae

Para os pequenos, há uma opção de diversão a mais, mini tirolesa e arvorismo por cima das duchas, eu acabei não olhando quanto custava para contar aqui, mas não deve passar de uns R$15, a fila tava grande.

Arvorismo na Ducha de Prata/Foto: Aline Sanae
Arvorismo na Ducha de Prata/Foto: Aline Sanae

Além das duchas, há uma feirinha de tranqueirinhas, artesanatos, roupas de lã e chocolates. O estacionamento é gratuito e a entrada também. A Ducha fica na Avenida Roberto Simonsen.

Ducha de Prata em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae
Ducha de Prata em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae

 Pico do Itapeva

Para quem gosta de belas paisagens, o pico do Itapeva é uma das boas opções.  O pico tem 2.030 m de altitude e em dias de céu limpo, dá pra ver 15 cidades: Tremembé, Guará, Aparecida, Taubaté, Pindamonhangaba, Roseira, Caçapava, Potim, Cruzeiro, Lorena, Piquete, Moreira Cesar, São José dos Campos, Eugênio de Melo e Cachoeira Paulista.

Pico do Itapeva/Foto: Aline Sanae
Pico do Itapeva/Foto: Aline Sanae

Na verdade, o pico do Itapeva fica dentro de Pindamonhangaba, mas só tem acesso via Campos do Jordão, por isso fica sempre apontado como um ponto turístico de Campos. Alguns anos atrás tinha uma feirinha no Pico, que vendia doces, artesanatos, roupas de lã, cachecóis, etc, mas os ambulantes foram tirados de lá e levados para uma área dentro da cidade.

No pico do Itapeva também tem um lago maravilhoso, com uma área para estacionar e curtir a vista. Além disso, há um pessoal que montou uma tirolesa que atravessa o lago, o valor é de R$15 por pessoa. Confesso que não tive coragem, rs.

Lago no Pico do Itapeva/Foto: Aline Sanae
Lago no Pico do Itapeva/Foto: Aline Sanae

Morro do Elefante/Teleférico

Para chegar ao Morro do Elefante, há duas opções: teleférico ou carro.  Para andar de teleférico, é necessário comprar o ingresso lá na Vila, não dá para comprar só de ida ou só de volta, é vendido os dois juntos.  Eu não tive muita coragem, pois estava ventando e toda hora parava, rsrs. Subi de carro até o Morro, que tem uma vista linda, de onde dá pra ver toda a cidade.

Teleférico de Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae
Teleférico de Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae

Tem umas barraquinhas de artesanato lá e um museu de elefantes, é gratuito, mas no fim eles tentam te vender um chaveiro com uma foto sua por R$10. O morro fica na R. Marco Antônio Cardoso, 240. Você também pode tirar foto em cima do elefante, tem uma escadinha pra subir 🙂

Morro do Elefante/Foto: Aline Sanae
Morro do Elefante/Foto: Aline Sanae

 Chocolates araucária

Em Campos existem algumas fábricas de chocolate, mas a Araucária tem um mini museu para quem quer conhecer a história do chocolate e da fábrica. A visita é gratuita e sem monitoria, o endereço é R. Felício Raimundo, 10. Como fui em fábricas bem legais em Gramado, achei bem sem graça essa, você via do andar de cima uma cozinha onde se faz os chocolates e tem umas salinhas com placas e fotos, coisa bem simples, mas pra quem nunca viu como se faz chocolate, vale a visita. Acabei nem tirando foto 🙁

Fábrica da Baden Baden

A Fábrica da Baden Baden recebe visitas com um valor de R$2o por pessoa. Mas é preciso fazer reserva com antecedência pelo telefone  (12) 3664-2004 ou pelo e-mail badenbadentour@brasilkirin.com.br. No meu caso, mandei um email e no dia seguinte já responderam confirmando com o horário, achei descomplicado e fiquei feliz, rsrs. Para chegar na fábrica, vá de carro, pois não é perto do centro de Campos do Jordão, em frente a Fábrica, tem um terreno com lugares para estacionar, eles cobram R$5 e não é conveniado com a Baden Baden.

Fábrica da Baden Baden/Foto: Aline Sanae
Fábrica da Baden Baden/Foto: Aline Sanae

O tour começa pontualmente, então é bom chegar com antecedência. A guia começa falando dos ingredientes das cervejas e oferece para degustar o material cru, como trigo e levada. Após contar como é a fabricação das cervejas, mostra todo o maquinário da Baden Baden.

2016-12-03-17-33-40
Fábrica da Baden Baden/Foto: Aline Sanae

Após as explicações, a guia nos leva até uma sala de degustação. Primeiramente ela conta sobre a história da Baden Baden, conta sobre cada cerveja feita pela marca e com o que harmoniza.

2016-12-03-17-46-06
Fábrica da Baden Baden/Foto: Aline Sanae

Ao conhecer a Fábrica, você ganha um brinde, no caso foi um copo da Baden Baden e + 2 degustações de Chop. Experimentei um Chop Claro e um de Chocolate, eu não gosto de cerveja ou chop, mas o de chocolate gostei bastante, não é amargo, não fica aquele gosto no fim de álcool que fica geralmente quando tomamos cerveja normal. Após a degustação, é claro que o passeio termina na lojinha, rs. Lá você pode comprar a cerveja mais barata do que nas lojas de Campos, além de roupas, bonés, etc.

20161203_173800
Cerveja de Chocolate da Baden Baden/ Foto: Aline Sanae

Ah, uma boa dica: se você não conseguiu agendar, dá pra tentar conhecer a Baden Baden mesmo assim, como muitos visitantes acabam perdendo o horário ou deixando de ir, você pode aguardar para entrar na vaga dos desistentes.

Palácio da Boa Vista

O Palácio da Boa Vista, também conhecido como Palácio do Governo, é a residência de inverno do Governador de SP.  Foi inaugurado em 1964 para servir de residência do Governador no inverno, mas com o passar dos anos passou a ser também um museu aberto ao público.

Palácio da Boa Vista em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae
Palácio da Boa Vista em Campos do Jordão/Foto: Aline Sanae

O passeio é gratuito e não precisa marcar hora, o estacionamento é gratuito também. São cerca de 40 minutos de passeio guiado com um monitor contando a história do Palácio e a importância das obras de arte do museu, também dá para conhecer alguns cômodos do Palácio, como quartos, sala de jantar, gabinete, etc.

Pátio do Palácio da Boa Vista/Foto: Aline Sanae
Pátio do Palácio da Boa Vista/Foto: Aline Sanae

Uma coisa chata é não poder tirar fotos durante o passeio, é obrigatório deixar os pertences em um guarda volumes antes de entrar. A informação que deram é que não existe direito autoral das obras, por isso nao podem ser fotografadas. No museu há antiguidades, esculturas, mobiliário do século XVII e XVIII, quadros de Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, Aldo Bonadei, Di Cavalcanti e muitos outros, pois a exposição vai mudando todo ano.

 

Outras dicas de passeio

Amantikir – parque com mais de 20 tipos de jardins com espécies do mundo todo. As visitas são monitoradas e é cobrada entrada.

Pedra do baú – para os aventureiros, trilha de 1h30 para chegar a pedra do bauzinho, baú e Ana chata.

Horto Florestal – o horto de Campos é lindo, recomendo alugar a bike na entrada do parque e fazer a trilha da cachoeira, é compensador.

Only registered users can comment.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *